pedroandre 29/07/2019

Edição nº 107

Na edição de Julho recordamos as memórias fotográficas de um dia passado na Linha do Oeste num passado recente mas cujas fotografias se encontram já distantes da actual realidade da qual só a infraestrutura se mantém invulnerável ao tempo.

A entrada no período de férias não abrandou os temas da actualidade, desde logo com o novo ministro da Infraestruturas Pedro Nuno Santos a prometer um plano de revitalização da CP e EMEF para os próximos anos e ainda com a finalização das obras de electrificação nas linhas do Minho e Douro, respectivamente entre Nine e Viana do Castelo e entre Caíde e Marco de Canaveses, com novas ofertas de comboios já programadas.

A investigação de acidentes permanece bastante activa e este mês apresentou-nos os resultados do descarrilamento de três vagões ocorrido em Marco de Canaveses em Fevereiro de 2018 que colocam novamente em evidência os problemas existentes na infraestrutura ferroviária.

Por fim, a curta viagem desta edição ao património mais ou menos esquecido da rede ferroviária nacional é até à estação de Vale de Guizo, situada na Linha do Sul.

2019-07

Nota: para fazer download, utilizar o botão com uma seta para baixo no canto superior direito.

Leave a comment.

Your email address will not be published. Required fields are marked*

Mostrar botões
Esconder botões